Transporte de órgãos: agilidade e confiança

O transporte de órgãos é um assunto sério no Brasil. De acordo com dados do Ministério da Saúde, ocorreram mais de 6 mil transplantes este ano no Brasil. No primeiro semestre deste ano, quase dois mil doadores viabilizaram a realização de 4.300 transplantes. Além disso, outro fator contribuiu para as doações: a UTI vida, ou UTI aeromédica.

A UTI vida, um serviço de transporte aeromédico, favorece a rapidez no processo de doação ao trasladar os órgãos com agilidade e segurança. Aliás, esses são dois fatores imprescindíveis para salvar as vidas dos pacientes que aguardam por transplante. 

Então, saiba mais aqui no blog da Brasil Vida como funciona o serviço, qual o preço de uma UTI aérea e quais os benefícios o serviço oferece. 

Curiosidades sobre o transporte de órgãos

O transporte de órgãos é um procedimento delicado, por isso exige condições especiais para garantir a viabilidade dos órgãos. Desse modo, os órgãos e tecidos são removidos e levados em compartimentos especiais, que mantêm a temperatura e a umidade adequadas. No Brasil, os órgãos mais transportados são: fígado, coração e rins. O tempo médio de transporte de um órgão é de 2 horas.

Principais desafios do transporte de órgãos no Brasil

  • Dificuldade de acesso a algumas regiões: O Brasil é um país de dimensões continentais, o que desfavorece o transporte de órgãos para regiões remotas do país. Esta, aliás, é uma das razões para a Brasil Vida instalar uma unidade no Amazonas.
  • Custo do transporte: O transporte de órgãos é um procedimento de alto investimento, porque o preço de UTI aérea é considerável. Portanto, isso muitas vezes cria obstáculos ao acesso a transplantes para pacientes que não têm seguro de saúde.

Benefícios do transporte de órgãos por UTI aeromédica

A UTI vida, ou UTI aérea, é um serviço de transporte aeromédico que ajuda a remover pacientes em estado crítico, mas também transporta órgãos que serão transplantados.

Embora o preço da UTI aérea seja mais alto, o serviço oferece muitos benefícios que não são encontrados em outros serviços de transporte de órgãos. A rapidez no transporte certamente é um fator fundamental, porque em poucas horas o paciente pode receber o órgão que necessita para sobreviver. 

Além disso, as UTIs aéreas chegam em áreas de difícil acesso, onde o transporte terrestre seria inviável. Isso permite que pacientes de todas as regiões tenham acesso a atendimento médico especializado.

Do mesmo modo, o serviço de transporte aeromédico garante que os órgãos sejam levados em equipamentos que ajudam a preservar os materiais até o momento do transplante. 

Qual é o preço de UTI aérea?

De modo geral, o preço de uma UTI aérea pode variar de R$ 15.000 a R$ 200.000, dependendo de fatores como: 

  • Distância: O preço do transporte aéreo aumenta conforme a distância percorrida.
  • Tipo de aeronave e sua estrutura: O custo do transporte aéreo apresenta variações segundo o tipo de aeronave utilizada e de acordo com os equipamentos existentes dentro da UTI aérea. 
  • Equipe médica: se for necessário contar com uma equipe médica maior, o serviço tende a ser mais caro.

UTI aeromédica da Brasil Vida: serviço vital para o transplante de órgãos

A Brasil Vida é referência no transporte aeromédico para transporte de órgãos. Nossa frota de aeronaves está preparada com os melhores equipamentos para levar órgãos e tecidos com a eficiência desejada, priorizando a preservação dos materiais que se destinam a salvar vidas. 

Para saber o preço da UTI aérea da Brasil Vida, entre em contato com a nossa equipe comercial. 

Post anterior
UTI Aérea: Saiba como funciona uma empresa de transporte aeromédico
Próximo post
Brasil Vida expande no mercado doméstico e consolida operação internacional em 2023
Menu