Aeroporto de Goiânia recebe Certificação Operacional

[:pb]Depois de mais de 10 anos de obra, em maio começaram as operações do novo aeroporto de Goiânia. O terminal de 34,1 mil m² é moderno e tem capacidade para receber até 6,5 milhões de passageiros por ano. Na sexta-feira, 1º de julho, o Aeroporto Santa Genoveva recebeu a Certificação Operacional pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Segundo o site da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (INFRAERO) o Certificado Operacional de Aeroporto é exigido pelo Regulamento Brasileiro de Aviação Civil 139 (RBAC).

“As avaliações seguem a orientação da Organização Internacional de Aviação Civil (OACI), que fixa critérios que devem ser atendidos por terminais de todo o mundo. A Certificação é um instrumento que a Anac dispõe para orientar os operadores de aeródromo na análise dos riscos envolvidos na sua operação, e demostrar que um nível de segurança operacional pode ser alcançado. Goiânia é o oitavo aeroporto da Rede Infraero certificado.”

A sede da Brasil Vida fica localizada ao lado do aeroporto de Goiânia, onde são realizadas várias operações utilizando a pista do terminal.

 

Fonte: Infraero[:en]Depois de mais de 10 anos de obra, em maio começaram as operações do novo aeroporto de Goiânia. O terminal de 34,1 mil m² é moderno e tem capacidade para receber até 6,5 milhões de passageiros por ano. Na sexta-feira, 1º de julho, o Aeroporto Santa Genoveva recebeu a Certificação Operacional pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Foto: Infraero
Foto: Infraero

Segundo o site da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (INFRAERO) o Certificado Operacional de Aeroporto é exigido pelo Regulamento Brasileiro de Aviação Civil 139 (RBAC). “As avaliações seguem a orientação da Organização Internacional de Aviação Civil (OACI), que fixa critérios que devem ser atendidos por terminais de todo o mundo. A Certificação é um instrumento que a Anac dispõe para orientar os operadores de aeródromo na análise dos riscos envolvidos na sua operação, e demostrar que um nível de segurança operacional pode ser alcançado. Goiânia é o oitavo aeroporto da Rede Infraero certificado.”

A sede da Brasil Vida fica localizada ao lado do aeroporto de Goiânia, onde são realizadas várias operações utilizando a pista do terminal.

 

Fonte: Infraero[:es]Depois de mais de 10 anos de obra, em maio começaram as operações do novo aeroporto de Goiânia. O terminal de 34,1 mil m² é moderno e tem capacidade para receber até 6,5 milhões de passageiros por ano. Na sexta-feira, 1º de julho, o Aeroporto Santa Genoveva recebeu a Certificação Operacional pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac).

Foto: Infraero
Foto: Infraero

Segundo o site da Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (INFRAERO) o Certificado Operacional de Aeroporto é exigido pelo Regulamento Brasileiro de Aviação Civil 139 (RBAC). “As avaliações seguem a orientação da Organização Internacional de Aviação Civil (OACI), que fixa critérios que devem ser atendidos por terminais de todo o mundo. A Certificação é um instrumento que a Anac dispõe para orientar os operadores de aeródromo na análise dos riscos envolvidos na sua operação, e demostrar que um nível de segurança operacional pode ser alcançado. Goiânia é o oitavo aeroporto da Rede Infraero certificado.”

A sede da Brasil Vida fica localizada ao lado do aeroporto de Goiânia, onde são realizadas várias operações utilizando a pista do terminal.

 

Fonte: Infraero[:]

Post anterior
Brasil Vida faz transporte do garoto Matheus para Miami
Próximo post
INCOR supera marca de mil transplantes realizados
Menu